RSS

Arquivo mensal: maio 2012

Tchau Mãe… !!! Chorei no final…


Tchau Mãe… Lindo!!!   (Chorei no final)
Estava fazendo compras no SUPERMERCADO e uma velhinha me seguia pelas gôndolas, sempre sorrindo. Eu parava para pegar algum produto, ela parava e sorria: uma graça a velhinha! Já na fila do caixa, ela estava na minha frente com seu carrinho abarrotado, sorrindo:
– Espero não tê-lo incomodado, mas você se parece muito com meu falecido filho…
Com um nó na garganta, respondi não haver problema, tudo estava bem.
– Posso lhe pedir algo incomum? disse-me a senhora idosa.
– Sim. Se eu puder lhe ajudar…
– Você pode se despedir de mim dizendo ” Adeus, mamãe, nos vemos depois ? Assim dizia meu filho querido… ficarei muito feliz!
– Claro, senhora, não há nenhum problema, disse eu para alegria da velhinha.
A velhinha passou a caixa registradora, se voltou sorrindo e, agitando sua mão, disse:
– ADEUS filho…Cheio de amor e ternura, lhe respondi efusivamente:
– ADEUS mamãe, nos vemos depois?
– Sim.. nos vemos depois, querido!
Contente e satisfeito com o pouco de alegria dado à velhinha, passei minhas compras.
– R$ 758,93, diz a moça do caixa.
– Tá louca? Dois sabonetes e duas pilhas?
– Mas as compras da sua mãe….. ela disse que você pagaria!!!!!

VÉIA FILHA DA P…!!!!!!!!!!!! 

(Agora entende porque chorei no final?)

Silvio rogerio bortoluzzi
 
Deixe um comentário

Publicado por em 31/05/2012 em Piadas

 

Tags: , , ,

10 mais incomuns Designs de Aquário


Confira 10 modelos de aquário mais incomuns

 

Fãs da série ‘Star Trek’ vão construir a nave USS Enterprise


Engenheiro acredita que espaçonave do seriado é ‘realmente funcional’ e deve entrar em operação dentro de 20 anos

Um engenheiro de sistemas, conhecido apenas como “Dan”, resolveu dar início ao projeto de construir uma versão realista da USS Enterprise, do seriado Star Trek.

No sitebuildtheenterprise.org, Dan relata que está cansado do quanto os programas espaciais da atualidade não alcançam grande avanços, e que a montagem de uma nave de uma das séries mais adoradas pelos nerds seria uma boa maneira de fazer com que as coisas funcionem de verdade. Para Dan, o protótipo poderia se transformar em realidade dentro de 20 anos, sendo capaz de viajar à Lua em três dias e a Marte em três meses.

Além disso, o engenheiro acredita que o design da Enterprise é “realmente funcional”, já que seu formato em disco abriga um recurso chamado “roda de gravidade”, que gira constantemente para fornecer gravidade para a tripulação. O fã também sugere unidades de propulsão elétrica de íons que usam reatores nucleares para o fornecimento de energia.

“Ela terá gravidade como as naves futuras e poderá ser confortável no espaço. Ela terá uma ponte onde o capitão e tripulantes poderão controlar a gravidade”, explica. Cada detalhe do empreendimento tem sido planejado com extremo cuidado, incluindo a blindagem exterior, bem como o esboço das primeiras dez missões e problemas políticos que terão de ser superados.

Para financiar o projeto, Dan quer a ajuda do governo dos Estados Unidos. Caso a ideia seja custeada pelo país, o engenheiro fã de Star Trek afirma que uma nova nave poderá ser produzida a cada 33 anos.

Fonte: Olhardigital

 

Tags: , , , , , ,

Garoto de 16 anos encontra resposta para enigmas levantados por Isaac Newton há 350 anos


O indiano Shouryya Ray, de apenas 16 anos, colocou fim ao mistério que o cientista Isaac Newton levantou ao criar um complexo enigma de cálculo, há 350 anos.

No enigma matemático, Newton elaborou duas teorias sobre a dinâmica das partículas. Em todo o mundo, estudiosos conseguiram se aproximar da resposta, mas sem propor um resultado exato ou completo. Ray, no entanto, foi capaz de calcular a trajetória exata de um projétil quando submetido à força da gravidade e também à resistência do ar. A segunda conquista de Shouryya Ray é referente a um problema matemático que já dura quase 200 anos e fala sobre colisão de corpos contra paredes.

“Quando os meus professores me disseram que estas questões não tinham solução, pensei: ‘bem, não custa tentar.’ Talvez esta ingenuidade de estudante tenha me ajudado”, afirmou o rapaz ao site da Fox News. O indiano teve contato com o enigma em uma visita à Universidade Técnica de Dresden, na Alemanha, na qual os alunos receberam os dados brutos para avaliar a trajetória de uma bola.

As duas descobertas do jovem devem contribuir para melhorar a precisão de cálculos utilizados na área de balística, por exemplo. Ray ainda ganhou prêmios em dinheiro pelos trabalhos, mas não há informações sobre os valores.

Não é de agora que o indiano adolescente chama atenção por sua inteligência. Aos seis anos de idade, ele já era capaz de solucionar equações com um alto grau de dificuldade. Mesmo assim, o jovem afirma que não se considera um gênio.

Fonte: Olhardigital

 

Tags: , , , , ,

Nossos pesos


Nossos pesos
Você se sente, em alguns dias, como se carregasse o peso do mundo?
Sente-se excessivamente cansado, atormentado, assoberbado de tarefas?
Talvez seja interessante refletir um pouco a respeito do que o está deixando tão exausto, quase desencantado da vida.
Conta-se que um conferencista tomou de um copo, nele despejou água e o ergueu, mostrando para a plateia.
Então, lançou a pergunta: Quanto vocês acham que pesa este copo?
As respostas variaram entre vinte e quinhentos gramas.
Bom, completou o conferencista, o peso real do copo não importa.
O que importa é por quanto tempo eu o segurarei levantado. Se o segurar por um minuto, tudo bem. Se o segurar durante um dia inteiro, precisarei de uma ambulância para me socorrer.
O peso é o mesmo, mas quanto mais o seguro, mais pesado ele ficará.
Isso quer dizer que se carregamos nossos pesos o tempo todo, mais cedo ou mais tarde não seremos mais capazes de continuar.
A carga irá se tornando cada vez mais pesada.
É preciso largar o copo, descansar um pouco, antes de segurá-lo novamente.
Temos que deixar a carga de lado, periodicamente. Isso alivia e nos torna capazes de continuar.
Portanto, antes de você voltar para casa, deixe o peso do trabalho num canto. Não o carregue para o lar.
Você poderá retomá-lo, no dia seguinte.
*   *   *
Há sabedoria nas palavras do conferencista. Por isso mesmo, o Sábio de Nazaré, há mais de dois mil anos recomendou: A cada dia basta sua própria aflição.
Equivale a dizer que devemos saber nos empenhar em algo que precisa ser feito, que exija todo nosso esforço.
Mas que, depois de um tempo, precisamos relaxar, espairecer, trocar de tarefa.
A lei trabalhista estabelece o cômputo de horas ao trabalhador. Também o dia do repouso, das férias.
Na escola, temos horários de estudo, intercalados com intervalos.
Pensemos, portanto, e comecemos a agir com sabedoria. Enquanto no trabalho, todo empenho.
Vencidas as horas de esforço mental ou físico, envolvamo-nos em outra atividade prazerosa.
Busquemos o lar e vivamos, intensamente, com nossos familiares.
Observemos o filho no berço, o outro que ensaia as primeiras letras no papel. Preocupemo-nos em saber se tudo está bem. Conversemos.
Desanuviemos o cenho, agora é o momento da família.
E não esqueçamos de momentos para a oração, para a boa música, a leitura nobre, que nos refaça a intimidade, nos descanse a alma.
Vinculemo-nos a um trabalho voluntário. Cultivemos nosso jardim. Podemos as árvores. Colhamos flores.
Despertemos mais cedo e observemos o nascer do sol. Encantemo-nos com o cair da tarde.
Em suma: vivamos cada momento com todas as nossas energias. Cada momento, sem levar conosco cargas desnecessárias.
Lembremos Jesus: A cada dia basta sua própria aflição.
Redação do Momento Espírita, com base no texto O copo d´água,
de autoria desconhecida.

Em 29.05.2012.

 

 

Tags: , , , , , ,

Ex-presidiário brasileiro acha filhos adotados nos EUA com ajuda do Facebook


Donizeti Pascoal, de 43 anos, agora busca recursos para ir para os Estados Unidos e reencontrar os filhos biológicos

O ex-presidiário Donizeti Pascoal, de 43 anos, morador de Sorocaba (SP), conseguiu localizar seus três filhos, adotados há 15 anos por um casal americano, com a ajuda do Facebook.

Depois que saiu da prisão, ele entrou em um curso de alfabetização para adultos. Segundo o jornal O Estado de São Paulo, ele escreveu uma carta junto com sua professora pedindo ajuda, o que foi essencial para reencontrar os filhos biológicos na internet que, desde a adoção, vivem nos Estados Unidos. Agora, Pascoal quer ter um encontro pessoal com eles.

O homem, sob efeito de bebida, participou de um roubo e foi preso na década de 1990. Ele tinha três filhos pequenos com uma mulher que também era alcoólatra. A família morava em uma favela na zona norte de Sorocaba, e não demorou muito para que as crianças ficassem em situação de abandono e fossem levadas pelo Conselho Tutelar a um abrigo. “Minha mãe queria ficar com as crianças, mas a mãe delas não permitiu”, disse.

Chaira Cristina, na época com cinco anos, Jônatas, com três, e Naiara, com dois, foram adotados pelo casal americano. O marido e a mulher passaram um mês em Sorocaba convivendo com as crianças, antes de levá-las para o novo lar, no Estado de Oregon.

Pascoal saiu da prisão somente em 2004 e conta que, sem perspectiva de encontrar os filhos, voltou a beber e passou a viver na rua. Sua vida ganhou novo rumo quando conheceu a atual mulher, Luzia, há três anos. Ela o encaminhou a uma igreja e o incentivou a matricular-se no curso Alfa Vida, da prefeitura da cidade, para aprender a ler.

Há um mês, a professora Tânia Aparecida Dias da Silva deu aos alunos a tarefa de escrever uma carta com o tema livre, e foi quando o ex-presidiário relatou seu drama e o desejo de encontrar os filhos. Com a ajuda de membros da igreja, conseguiu localizar o perfil de Chaira na rede social. A jovem usava o mesmo nome acrescido do sobrenome da família adotiva. “Eu tinha uma foto dela pequena e, quando vi a foto na internet, não tive dúvidas de que era ela.”

Chaira, que é formada e mora sozinha, respondeu às mensagens em português e, na semana passada, pai e filha se falaram pelo telefone. Em seguida, Pascoal conversou também com Jônatas, hoje com 18 anos, e Naiara, que tem 17. Ambos são universitários e moram com a família adotiva, mas falam mal o português.

“Quando minha filha disse que a vida toda esperou pelo meu contato, eu quase morri”, disse Pascoal. Ele já começou a economizar para custear o reencontro. “Minha filha quer vir para Sorocaba, mas penso que o melhor seria eu ir para lá, assim vejo também o Jônatas e a Naiara.”

Hoje, Pascoal, produz e vende cocadas em Sorocada.

Fonte: Olhardigital

 

Tags: , , , ,

Andre Rieu tributo a Frank Sinatra


Andre Rieu (Holanda) seu coro orquestra fez uma homenagem a Frank Sinatra com My Way no seu violino (Stradivarius).

André Rieu:
Há uns 100 anos, um pobre italiano, juntamente com sua esposa, veio aos Estados Unidos para começar uma nova vida, em um lugar não distante daqui. New Jersey.
Aqui é New Jersey? Achei que era New York. 
(risos)
E depois de 2 anos, nasceu um pequeno bebê. E esse bebê, senhoras e senhores, se tornou o maior cantor americano de todos os tempos.
Eu o admiro muito e os meus conterrâneos na Holanda também adoram este cantor.

Esta noite, aqui neste palco onde ele cantou tantas vezes, eu gostaria de fazer um tributo a este fantástico artista. Só vou tocar uma música. 
Claro que vocês sabem de quem eu estou falando. Aplausos por favor: 
Frank Sinatra!

Silvio rogerio bortoluzzi

PS: Eu gostaria muito de assistir ao show que ele irá fazer em São Paulo, mas atualmente não será possível, as apresentações dele são fantásticas ele toca todos os ritimos imagináveis.

Gilson

 
Deixe um comentário

Publicado por em 29/05/2012 em Musica

 

Tags: , , , ,

 
%d blogueiros gostam disto: